domingo, 23 de setembro de 2012

BRUNO NOGUEIRA COMUNIDADE ETERNA MISERICORDIA

O Instituto de Acolhimento e Recuperação Eterna Misericórdia de Lavras (IAREM), voltado para ao atendimento de moradores de rua, foi fundado há sete anos por uma dupla de jovens lavrenses, Bruno Nogueira e Rick Carvalho. divulga a campanha de doações para a construção da nova sede da instituição, que ganhou uma propriedade rural na Comunidade da Ponte Alta, na BR 265, mas precisa de material de construção para sair do papel.

Assinado pelo engenheiro lavrense Wisner Coimbra de Paula, o projeto da nova via melhorar a qualidade de vida de 15 membros que atualmente vivem são atendidos pela comunidade.

Um trabalho silencioso, mas que vem mudando e salvando vidas em Lavras, Minas Gerais. Assim poderíamos traduzir a missão do Instituto de Acolhimento e Recuperação Eterna Misericórdia – IAREM, associação comunitária católica, sem fins lucrativos, voltada para o acolhimento de moradores de rua.

Em 2010, a instituição criada pelo jovem lavrense Bruno Nogueira, se prepara para lançar uma mega campanha para arrecadar fundos para a compra de sua sede própria, instalada na avenida Fábio Modesto, 622, no bairro Joaquim Sales em Minas Gerais.

De acordo com Bruno Nogueira (foto), a instituição prepara um evento a ser realizado no Clube de Lavras, em abril, possivelmente no dia 11, com uma série de atrações. Além disso, o IAREM realiza uma campanha para adesão de benfeitores que podem contribuir para a manutenção da casa de acolhimento que mantêm 16 pessoas em regime familiar 24 horas por dia. O trabalho é voltado para a ressocialização dos ex-moradores de rua, com idade entre 40 e 60 anos de idade.

A Eterna Misericórdia conta também com a ajuda de voluntários fixos e esporádicos e profissionais da área da saúde e esporte (psicologia, educação física, nutricionista). Há também uma parceria firmada com a Associação dos Neuróticos Anônimos.

“É um trabalho muito difícil, pois 99% dos nossos atendidos não conseguem se ressocializar novamente. Muitos estão marcados pela vida e sem condições nem mesmo físicas para poderem voltar ao mercado de trabalho”, disse Bruno.

O IAREM luta para manter as 16 pessoas atendidas em regime de residência, recebendo alimentação, vestuário e cuidados médicos e psiquiátricos.

Os gastos (alimentação, higiene, medicamentos, gás, luz) são subsidiados por meio de doações esporádicas da população e o aluguel do sítio é mantido pelo convenio com a Prefeitura de Lavras.

Para Bruno Nogueira, diante de tantos desafios, o IAREM tem se esforçado para ser uma resposta e bálsamo para aliviar as angustias da alma e regenerar a falência moral e espiritual de cada indivíduo que chega ao instituto.

Quem quiser contribuir com essa obra de caridade pode entrar em contato pelo telefone (35) 3826-0068 ou através do site www.eternamisericordia.com.br

2 comentários:

  1. Bruno parabens pelo seu trabalho, feliz natal,a vc seus colaboradores e internos. Obrigado pela ajuda hoje estou trabalhando e morando em carmo da cachoeira.que deus continue mandando luz a pessoa iluminada que e vc.ass. Furtado

    ResponderExcluir
  2. Furtado, aqui é o Bruno, fico feliz em saber que está bem!

    Abração!

    ResponderExcluir